Blog

05
set

#SGBPocket: GSBI e Social Good Brasil, uma parceria do Vale para a Ilha do Silício

Por: Ana Paula Santos

Em 2015, o Social Good Brasil foi uma das sete organizações globais escolhidas para fazer parte da rede do GSBI, um programa da Santa Clara University que apoia há 12 anos empreendedores sociais. Fernanda Bornhausen Sá, nossa presidente voluntária e Bárbara Basso, coordenadora dos programas de apoio a empreendedores sociais, foram para o Vale do Silício participar de um treinamento para aprender a metodologia do GSBI e replicar a metodologia, inédita no Brasil.

E assim nasceu o SGB Camp, que integra o programa de multiplicadores da rede. O SGB também buscou parceiros de metodologia (Par Mais e Singularity U Florianopolis) e de impacto para compartilhar suas expertises e conteúdos, o que deixou o Camp ainda mais rico. Derene Allen, mentora do programa, contou mais sobre a atuação da rede e ressaltou a empolgação ao conhecer as iniciativas brasileiras e poder fazer parte da 2ª edição do Camp em Florianópolis, que selecionou 10 negócios de impacto para a pré-aceleração.

FW__7674

Ao final da pré-aceleração, 3 empreendedores foram escolhidos para se apresentar no SGB Pocket e concorrer ao valor arrecadado com o fundo de investimento semente: Mórris Litvak (Maturijobs – uma plataforma que conecta pessoas com mais de 50 anos a empresas que desejam contratá-las), Denise Viotto (A Taba – geração de conteúdo online e assinatura de livros) e Marcelo Rebelo (Praças – plataforma de adoção colaborativa de praças que articula e viabiliza manutenção e melhorias).

Mórris Litvak ficou em 1º colocado, recebendo o investimento semente de R$ 10 mil. Na hora, Derene anunciou que o GSBI iria dobrar o prêmio e tivemos um 2º colocado: Marcelo Rebelo. \o/ Parabéns aos empreendedores! 😀

FW__7796
Cecília (SGB), Mórris (Maturijobs – 1º colocado), Marcelo (Cidade Pedra Branca), Derene (GSBI), Marcelo (Praças – 2º colocado) e Bárbara (SGB).

Comentários


Você poderá gostar também de...