Quer participar de uma das rodas de conversa?

Para isso você deve estar inscrito no Festival SGB! Ao se inscrever você recebe um email com o link para escolher uma roda de conversa e/ou workshop. 

28 de outubro das  11h30 -13h

 

Futuro do trabalho

com Jeremy Kirshbaum (Institute for the Future)

Várias profissões que conhecemos hoje deixarão de existir em 10 ou 20 anos — mas várias que nem imaginamos vão surgir. Como as tecnologias afetarão a forma com que nos relacionamos com o trabalho? O Jeremy, do Institute for the Future, puxa o papo sobre isso.

 


Liderança Feminina

com Ana Fontes (Rede Mulher Empreendedora)

A fundadora da Rede Mulher Empreendedora conversa sobre a importância de apoiar mulheres nas lideranças empresariais e de criar uma rede de mulheres ajudando uma à outra no mercado de trabalho.

 


Olhares que falam

com Thiago Evangelista (Social Good Brasil)

Thiago é um professor de geografia com paralisia cerebral e ausência de fala. Junto com a sua família, compartilha nessa atividade suas experiências e como cada um de nós pode contar a própria história com muito mais do que palavras — o Thiago usa a tecnologia.

 


Profissional de inovação social, quem, eu?

com Julia Melo (Amani Institute)

A Julia, gerente nacional do Amani Institute, instituição focada em desenvolver líderes globais para mudança social, puxa uma conversa sobre caminhos de desenvolvimento e sustentabilidade pessoal para os profissionais que criam impacto social. Vamos desconstruir o que entendemos como carreira e ressignificar o que ela realmente pode ser.

 


Consuma mais: mais inteligente, mais consciente, mais compartilhado

com Pupo Neto (OLX)

Como consumir o que precisamos sem exageros? Nesta roda de conversa, vamos discutir com o Pupo, diretor de Marketing e Customer Service da OLX, quais os caminhos e alternativas para um consumo mais sustentável.

 


Ética no dia a dia

com Aser Cortines (Cortines e Sebastiá)

O mundo está cada vez menos ético ou é o avanço das comunicações que nos atropela com notícias onde a falta de ética é a tônica principal? Estamos autorizados a cometer pequenos deslizes no nosso dia a dia? O Aser é sócio Cortines&Sebastiá  e vai puxar um papo sobre como podemos ser mais éticos no cotidiano.

 


Homens trans e o acesso à vida

com Ariel Nobre (Pajubá) 

Ariel Nobre é homem trans e operário da comunicação. Nessa roda de conversa, os temas serão ativismo, diversidade nas empresas e uma campanha de sensibilização contra o suicídio de homens trans.
 

Provocando imaginários possíveis

com Yasmin Reis (Rolezinho)

Afro-futuro, humanização sem demarcação, autocuidado e conhecimento. A Yasmin, do Rolezinho, te convida a pensar sobre humanidades com um jeito diferente.

 


Favela: quando resistência vira potência

com Sheila Souza (Brazilidade)

Como a Brazilidade - um negócio social de turismo de base - tem olhado pra favela como espaço de potência, referência e de possibilidades de legados sociais.

 


A importância da Afrobetização na base das futuras lideranças

com Denise Teófilo (Adeola)

Vamos aprender com a Denise, do Adeola, sobre a afrobetização: a educação e comunicação que valorizam a história e o protagonismo das pessoas negras na construção do Brasil, pela perspectiva dos próprios afrodescendentes.

 


O papel de cada um de nós na política

com Diego Calegari (Politize)

Diego, do Politize!, puxa uma reflexão sobre o papel que cada um pode (e deve) exercer na política. Dúvidas, angústias e esperanças para o futuro do Brasil em um diálogo aberto e produtivo.

 


Despertando consciência através do corpo

com Rubens Oliveira (Red Bull Amaphiko)

“O encontro com o próprio movimento é uma expressão de um estado de prazer em sermos aquilo que somos, de ser por inteiro." Como podemos pensar no nosso corpo como instrumento de comunicação, auto percepção, inspirações e troca de experiências? O Rubens, Fellow da Red Bull Amaphiko e dançarino há 15 anos, vai conversar contigo sobre o assunto.

 


O futuro nasce agora

com Heloisa Mota (Greenpeace Brasil)

O diretor de mobilização do Greenpeace Brasil e Fellow SGB trás uma reflexão sobre o que podemos fazer para que a Natureza não desista da Humanidade.