Comece agora

Crianças/jovens

Seu projeto Social Good
não está aqui?

Envie pra gente
logo-caindo-no-brasil

Gostou do projeto e quer fazer parte desta iniciativa?

Comece agora

Caindo no Brasil

O Caindo no Brasil quer divulgar histórias de pessoas e iniciativas que querem transformar a educação no país.

Ação

Caindo no Brasil

O que é?

Uma agência de comunicação especializada em educação brasileira

Como funciona?

O Caindo no Brasil tem três frentes de atuação:

– curadoria de projetos: apoio à produções audiovisuais e eventos na curadoria de conteúdo, buscando sempre projetos locais para enriquecer a grade da iniciativa e dar a possibilidade de iniciativas serem conhecidas em outros espaços

– produção de conteúdo: apoio à institutos e fundações para a divulgação de seus projetos em linguagem e formatos mais acessíveis para todos

– projetos autorais: criação de conteúdos com selo Caindo no Brasil para divulgação de teorias, boas práticas e ferramentas que possam fomentar as alternativas educacionais brasileiras. Atualmente, além das redes sociais e site, o Caindo no Brasil tem o livro que conta sobre os principais projetos conhecidos na viagem pelo país e uma assinatura semanal de conteúdos via WhatsApp para usuários aprenderem mais sobre alternativas educacionais brasileiras

Qual o público beneficiado?

Escolas, projetos sociais e ações individuais que estão trabalhando para uma educação de qualidade e para alternativas educacionais que vão além do ensino conteudista

Quem pode colaborar?

Qualquer pessoa pode enviar conteúdos para colaborar

Como posso me engajar?

Apoiando na criação de conteúdos e indicações de boas práticas

Idealizador

Caio Dib iniciou o Caindo no Brasil com um projeto de viagem pelo Brasil de ônibus em 2013 para conhecer iniciativas que fazem a diferença na educação brasileira

file6377

Gostou do projeto e quer fazer parte desta iniciativa?

Comece agora

Como Aprender Violão: Educação musical divertida e acessível

Levar a educação musical para todo canto deste país é um sonho que você pode ajudar a tornar realidade.

Ação

Como Aprender Violão

O que é?

O projeto vai mudar a realidade da educação musical no país e consequentemente a realidade socio-cultural. Vamos fazer aulas com qualidade a nível internacional para todos os brasileiros participarem pela internet ou pessoalmente em eventos físicos. O sonho do Como Aprender Violão é realizar o sonho dos brasileiros com a música.

Como funciona?

Levamos aulas virtuais e oficinas presenciais gratuitas para milhões de brasileiros, tenham eles internet ou não, dinheiro ou não, conhecimento musical ou não. Levamos educação musical de qualidade inédita para quem quiser aprender e se divertir.

Qual o público beneficiado?

Milhões e milhões de crianças, pais, avós, estudantes, amadores, donas de casa, enfim, os brasileiros que são naturalmente inclinados à música mas que vêm seus sonhos frustrados e seus potenciais adormecidos por não terem acesso à educação musical gratuita e de qualidade.

Quem pode colaborar?

Empresas, investidores, agentes de divulgação, voluntários para propagação da ideia, pessoas públicas, pessoas comuns… Todo o Brasil!

Como posso me engajar?

O engajamento pode ser online ou offline. Teremos oficinas no país inteiro e queremos tornar a internet repleta de boa educação musical. Vídeos interativos, eventos gratuitos nas capitais e no interior do país, festivais e concursos são algumas das formas de engajamento.

Idealizador

Professora Amanda de Andrade

logo-satelite-

Gostou do projeto e quer fazer parte desta iniciativa?

Comece agora

Satélite em Foco: Engajamento Jovem em Comunicação

Oportunidade de aprendizado e treinamento para jovens interessados em comunicação!

Ação

SATELITE EM FOCO

O que é?

Satélite em foco, é um projeto social voltado para a área de comunicação. O projeto visa capacitar e treinar jovens, com idade a partir de 15 anos, para produzirem uma revista. O principal objetivo é ministrar workshops de Redação Publicitária, fotografia, edição de vídeos, tudo que abrange a área de comunicação. além de trabalhar com o mundo da comunicação, o projeto também terá aulas de reforço escolar e atividades complementares.

Como funciona?

Primeiramente serão selecionados jovens que queiram participar do projeto, para então receberem tum reinamento de 6 meses, onde todas as técnicas de criação e produção de revista serão apresentados, logo após esse treinamento, parte-se para a produção e confecção da revista. Assim que a revista estiver impressa, será vendida por um valor simbólico de R$5,00 desse valor, R$ 3,00 é voltado para os colaboradores e R$ 2,00 voltado para o instituto, faz

Qual o público beneficiado?

O beneficio se torna uma via de mão dupla, pois, ao mesmo tempo que jovens são beneficiados com o aprendizado e com o “emprego”, o comercio local também se beneficia, pois, poderá divulgar o seu produto ou serviço na sua região. Todos se beneficiam.

Quem pode participar?

Todas pessoas com idade acima de 15 anos, que tenham no mínimo ensino fundamental completo ou cursando.

Como posso me engajar?

O processo de engajamento pode ocorrer de duas formas:

1- jovens procuram a associação e fazem um pré cadastro, será feita uma entrevista e uma visita na casa do candidato para comprovar a veracidade das informações, após essa processo o mesmo começa a frequentar aulas durante seis meses.
2- Patrocínio . O comercio local pode entra como patrocinador, assim seu produto, marca ou serviço será impresso na revista.

Idealizador

ROBERTO VIANA ( Beto Viana)

logo_pmkids

Gostou do projeto e quer fazer parte desta iniciativa?

Comece agora

PM KIDS

Todos os dias, o mundo nos apresenta novos desafios. Para resolvê-los de forma criativa, nada melhor que ensinarmos nossas crianças: está pra nascer a Próxima Geração de Gerentes de Projetos!

Ação

PM KIDS

O que é?

Um programa que foi idealizado com o objetivo de envolver escolas, associações e comunidade para formação de crianças através de conhecimento sistêmico, em gerenciamento de projetos, e sobretudo fornecer-lhe ferramentas práticas que permitam a aplicação das técnicas e métodos de gestão de projetos ao dia a dia.

Como funciona?

A estratégia pedagógica foi baseada nos seguintes pressupostos: aprendizagem ativa centrada no aluno, desenvolvimento de competências, interdisciplinaridade, integração da teoria com a prática e aprendizagem cooperativa.

Objetivos

A proposta é assentada em um ensino diferenciado e inovador, centrado no aluno e na aprendizagem (e não no professor e no ensino), na prática fundamentada pela teoria (e não na teoria simplesmente), no desenvolvimento de competências (e não apenas em conhecimento), na formação inter e transdisciplinar (em oposição a uma formação especializada), e na cooperação.

Qual o público beneficiado?

Crianças de 9 a 14 anos de idade, estudantes de qualquer escola.

Quem pode participar?

Profissionais com conhecimento em Gestão de Projetos, escolas, associações e comunidades.

Como posso me engajar?

Através de serviços voluntários para levar a metodologia criada para as crianças e também através de colaboradores que possam abrir oportunidades em escolas, comunidades e empresas que queiram levar o projeto para ser executado.

Idealizadores

Ana Paula Probst e Pascoal Vernieri

Temos que falar sobre isso

Gostou do projeto e quer fazer parte desta iniciativa?

Comece agora

Temos que falar sobre isso

Falar é muito importante. É o primeiro passo para reconhecer um problema, levanta consciência sobre um tema e gera identificação. Pensando nisso, foi criado o Temos que falar sobre isso, uma rede de apoio à maternidade.

Ação

Temos que falar sobre isso

O que é?

Uma plataforma de relatos anônimos de mães que tiveram depressão pós-parto e outros transtornos ligados à saúde mental na materinidade, como distúrbios no período perinatal, dificuldades durante a gravidez, problemas durante a amamentação, perda gestacional, partos traumáticos e violência obstetrícia.

Como funciona?

A proposta é oferecer informação e acolhimento à mães carentes de apoio. O atendimento é feito sem nenhuma burocracia ou comprometimento financeiro.É necessário falar sobre a parte difícil da maternidade, visto que grande parte das mulheres passa por algum tipo de desafio durante este período. E falar é o primeiro passo para curar e dar oportunidades para outras pessoas escutarem e se identificarem, criando identificação e consciência através de uma plataforma digital, entrem em contato com seus sentimentos e procurem ajuda de qualidade em suas regiões.

Objetivos

Apoiar mulheres e ajudá-las a lidar com com suas expectativas em relação a maternidade, que muitas vezes são irreais devido a influência das imagens midiáticas.

Qual o público beneficiado?

O serviço é focado na mulher e no bebê, mas os benefícios se estendem para toda a sociedade.

Quem pode participar?

Profissionais da área da saúde, mulheres que já passaram por dificuldades durante a gravidez e maternidade, além de empresas dispostas a contribuir com o projeto, que possa ampliar sua atuação.

Como posso me engajar?

Qualquer pessoa pode se engajar divulgando o projeto, fazendo chegar a quem precisa de apoio e acolhimento.

Idealizadores

Thais Cimino

goconqr-logo-splash-6c059ce0a0a48d739d394c4ac5ec2220

Gostou do projeto e quer fazer parte desta iniciativa?

Comece agora

GoConqr

Uma nova forma de aprendizagem onde todos criam, compartilham  e saem ganhando.

Ação

GoConqr

O que é?

Um ambiente digital de aprendizagem, em que professores e estudantes de todo o mundo criam e compartilham materiais de estudo criados com o auxílio de ferramentas on-line, desenvolvidas para facilitar e potencializar a compreensão de conteúdos de estudo.

Como funciona?

A plataforma de educação on-line oferece, gratuitamente no plano Básico, ferramentas digitais como Mapas Mentais, Flashcards, Caderno de anotações, Simulados, Calendário e Grupos de Estudo. Para usuários mais ativos, a plataforma oferece planos pagos.

Objetivos

Motivar  os estudantes a tornarem-se atores ativos do processo de aprendizagem, enquanto auxilia professores a interagirem mais intimamente com os alunos.

Qual o público beneficiado?

Varia entre estudantes, universitários, professores, tutores, profissionais e até mesmo pais de alunos de todo o mundo.

Quem pode participar?

Todos que estão em busca de conhecimento. Estudantes, professores, profissionais, comunicadores, pais podem colaborar criando e compartilhando materiais de estudo em GoConqr e também em outros meios como redes sociais , blogs e websites.

Como posso me engajar?

O cadastro na plataforma é gratuito, assim como o acesso a todas as ferramentas. A plataforma funciona como uma rede social com perfil, feed de atividades, possibilidade de adicionar amigos, pesquisar, copiar, editar e compartilhar materiais de estudo criados.

Professores, estudantes e comunicadores também podem inserir os materiais de estudo como Mapas mentais e Simulados, por exemplo, em blogs e sites, além de utilizá-los em sala de aula. Para os usuários mais ativos, existem planos pagos que permitem criar um número maior de materiais, entre outras funcionalidades.

Idealizadores

Dualta Moore

1907477_376570369196717_469233830054927705_n

Gostou do projeto e quer fazer parte desta iniciativa?

Comece agora

Criativos da Escola – Design for Change

Autoconhecimento, pensamento crítico e colaboração: projeto inspira crianças e adolescentes a desenvolver essas habilidades tão necessárias para o século 21!

Ação

Criativos da Escola/Design for Change

O que é?

Sentir, imaginar, fazer e transformar, usando de verdade empatia, protagonismo, criatividade e trabalho em equipe. Essas são as bases deste movimento que está em mais 30 países, inclusive no Brasil, e que inspira crianças e adolescentes a transformarem suas realidades. Com apoio de professores, as ideias que partem dos alunos se concretizam e eles se tornam agentes da mudança, ao mesmo tempo que exercitam habilidades fundamentais deste século.

Como funciona?

No site é possível baixar um material de apoio e um passo a passo bem prático e envolvente para implementar o projeto com um grupo de crianças e adolescentes. Os grupos também podem participar do Desafio Criativos da Escola, uma premiação que reconhece as melhores dessas iniciativas e está com inscrições abertas até 31 de julho.

Objetivos

Empoderar crianças e adolescentes com as habilidades necessárias neste século: autoconhecimento, boa comunicação, pensamento crítico, colaboração, criatividade, ética e a capacidade de se relacionar com outras pessoas, resolver problemas e tomar decisões.

Quem pode participar?

Educadores, gestores de escolas, crianças e adolescentes de 9 a 15 anos e a população e organizações de cada local onde o projeto se desenvolve.

Como posso me engajar?

Divulgue a ideia, baixe o material de apoio, incentive a criação de grupos!

Idealizador

Instituto Alana