Aprenda a se comunicar com dados

No meio das mensagens de “bom dia”, fotos de pet e áudios, uma notícia estranha é compartilhada naquele grupo de WhatsApp. Quem nunca passou a notícia adiante, na hora da pressa, sem nem conferir o conteúdo, que atire a primeira pedra. Muita gente acaba repassando informações sem dados e sem fonte confiável, colaborando para a disseminação de fake news ou distribuindo opiniões como se fossem fatos. 

Uma habilidade essencial no mundo digital em que vivemos é saber como transformar o que seria uma mera opinião em um argumento com credibilidade e autoridade, utilizando dados para comprová-lo. Saber comunicar com dados é importante, mas não significa que você tem que ser um expert em estatística: significa apenas que temos que desenvolver nossa capacidade de formular e responder perguntas utilizando dados úteis e confiáveis.

Para que não sejamos enganados e nem passemos informações falsas adiante, a dica é ativar o “modo Sherlock Holmes”: toda vez que receber uma informação duvidosa, o primeiro passo é descobrir qual é a fonte oficial. Por meio de perguntas simples ou uma rápida pesquisa nos mecanismos de busca, já é possível descobrir se aquela notícia era falsa ou não. 

Comunicar com dados: habilidade do futuro

Nos próximos 3 anos, serão criados mais dados do que nos últimos 30 anos, de acordo com a Global DataSphere IDC. Nesse contexto, comunicar com dados não é importante apenas para a sua vida profissional, mas também vai te ajudar a embasar e defender seu ponto de vista em conversas com amigos ou família.

O episódio 4 da série Habilidados é um mergulho pela competência de comunicar e argumentar com dados, um guia para ter sempre um olhar desconfiado diante de tudo o que consumimos na internet – e não repassar desinformação também. Assista:

Quer descobrir como está o seu nível de conhecimento no tema? O SGB criou uma ferramenta de autoavaliação de fluência em dados inédita no Brasil. Em menos de 10 minutos, ao preencher um formulário de múltipla escolha, você descobrirá se é um iniciante, aprendiz, praticante ou mentor no assunto. Ao finalizar, receberá por email uma avaliação personalizada, bem como recomendações para evoluir na jornada de aprendizagem. Faça o teste clicando aqui

Leia também

01 novembro 2022
A Bárbara tinha fome de mundo. Ela nunca parou em um só lugar, sua ambição sempre foi de conhecer,...
Ler Mais
01 novembro 2022
"Eu sou o Oswaldo Oliveira, um ser humano que mora no planeta Terra, trabalhando consigo mesmo e...
Ler Mais
01 novembro 2022
Humano. Essa foi a palavra que o Tiago usou para resumir a experiência com o Social Good Brasil...
Ler Mais
01 novembro 2022
Mais para as mães. É por isso que a Thais vem trabalhando desde 2013, quando criou a iniciativa...
Ler Mais
01 novembro 2022
A Tamila acredita seriamente na importância de construirmos futuros mais inclusivos. Atua e tem...
Ler Mais

Leia também

Eleições no Brasil: qual história os dados ajudam a contar?
Segurança de dados no dia a dia: saiba como se proteger
Como identificar uma fake news?
Empresa Data Driven e sua relação com o futuro do empreendedorismo

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support