Inteligência de Dados na gestão pública: como SGB apoiou secretarias estaduais em soluções para o enfrentamento do Covid-19

O Laboratório SGB, criado pelo Social Good Brasil em parceria com o Instituto Humanize, teve como foco compartilhar a expertise no desenvolvimento de soluções em dados para o enfrentamento do COVID-19, apoiando governos estaduais por meio da atuação colaborativa de um núcleo intersetorial .

Diversas soluções de dados foram criadas. Listamos aqui o que foi desenvolvido durante os meses de laboratório.


As secretarias e o impacto do Covid-2019

As secretarias foram selecionadas a partir de um processo seletivo que analisou, entre outros fatores, o grau de maturidade analítica e o impacto que a crise do COVID-19 causou em seus processos de trabalho.

  • Secretaria de Saúde do Estado de Minas Gerais [SES/MG]
  • Secretaria de Saúde do Estado de Pernambuco [SES/PE]
  • Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado do Rio de Janeiro [SEPLAG/RJ]
  • Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado do Alagoas [SEPLAG/AL]
  • Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais [SEAPA/MG]

Produtos de dados desenvolvidos pelas Secretarias

As secretarias passaram por uma formação com duração de aproximadamente 2 meses, com conteúdos de capacitação em fluência de dados para lideranças e gestores públicos, além de capacitação em desenvolvimento de produtos de dados para então, desenvolverem suas próprias soluções de dados, adaptadas ao seu local e contexto, que as auxiliassem diante da crise do COVID-19.

Com o apoio de mentores especialistas na área de ciência de dados, dedicados exclusivamente para cada secretaria, foram desenvolvidas soluções pelas 5 secretarias participantes.

A SEPLAG/AL desenvolveu um modelo de identificação e monitoramento do impacto da crise do coronavírus no mercado de trabalho do Estado, a fim de auxiliar a definir estratégias de reinserção dos profissionais no mercado de trabalho e prevenir aumentos na taxa de desemprego. Como um bônus, a equipe ainda disponibilizou o código-fonte e toda a documentação do projeto em formato open-source, para que qualquer pessoa, organização ou órgão público também fosse apto a aproveitar os aprendizados do projeto.

O painel desenvolvido no Laboratório SGB pode ser acessado clicando aqui.

O objetivo da SEAPA-MG no Laboratório de Dados SGB foi automatizar o monitoramento da produção da proteína animal em Minas Gerais, gerando alertas sobre o risco de desabastecimento durante e pós pandemia. Desta forma, a SEAPA/MG, desenvolveu (i) um modelo de predição estatística para prever o número de abatimento de animais em até 3 meses, garantindo assim, o abastecimento da proteína no estado; e (ii) um painel de BI para monitorar visualmente os números relacionados ao fluxo deste processo. O modelo foi desenvolvido com sucesso e adquiriu, em sua primeira previsão, uma taxa de confiabilidade de 97,5%.

Imagem do modelo de predição desenvolvido durante o Laboratório SGB

Já a Secretaria de Saúde de Minas Gerais (SES/MG), teve por objetivo aumentar a celeridade nas tratativas e a confiabilidade das informações assistenciais e de vigilância epidemiológica geradas pela Sala de Situação no contexto da Covid-19. Para isso, a equipe desenvolveu um Mapa de Dados da Sala de Situação, solução criada para representar graficamente o fluxo de dados completo dos dados da COVID-19 no estado de Minas Gerais, permitindo um re-planejamento dos processos de trabalho que compõem este fluxo para gerar mais rapidez e eficiência na geração, processamento e utilização destes dados no enfrentamento da pandemia.


A Secretaria de Saúde de Pernambuco (SES/PE) desenvolveu uma plataforma (data lake) confiável de dados e informações para apoiar a tomada de decisão das gestões estadual e municipais no enfrentamento da pandemia da COVID-19. A equipe ainda desenvolveu um painel de indicadores sobre sobre os casos de COVID-19 no estado, com foco em oferecer um elevado grau de flexibilidade para o usuário do painel, permitindo diversas combinações, comparações e análises com os dados disponíveis.


Por fim, a Secretaria de Planejamento e Gestão do Rio de Janeiro (SEPLAG/RJ) utilizou análises de dados como instrumento de planejamento para definições estratégicas sobre o enfrentamento da pandemia no estado do Rio de Janeiro. O objetivo principal foi aperfeiçoar o monitoramento e gestão das despesas gastas no cenário da pandemia, a fim de garantir uma melhor eficiência de recursos financeiros e de gestão.

Desta forma, a solução desenvolvida pela equipe foi a identificação e integração das bases de dados acerca deste tema, com base nas diretrizes orçamentárias do estado, definidas pelos seguintes eixos: (i) políticas setoriais que priorizem os segmentos da população mais afetadas pela crise do COVID-19; (ii) Investimentos econômicos que geram dinamização econômica; e (iii) Inovação na gestão pública para o enfrentamento de dificuldades fiscais. Além da integração das bases de dados, a equipe também desenvolveu um painel de BI para auxiliar na gestão acerca do controle de gastos.


A gente acredita numa nova gestão pública, humana e inovadora. Se você tiver interesse em conhecer as soluções criadas pelas Secretarias, assista ao vídeo da participação no Festival SGB 2020.


Esse texto fez sentido para você? 


Se sim, fica aqui o convite para que você se junte a nós nesse grande movimento para democratizar a Educação em Dados no Brasil!

Deixe seu nome e email aqui para receber em primeira mão as novidades sobre autoavaliação e formações.

Agradecemos muito pela leitura e todo feedback é super bem-vindo! Feedback é dado, afinal!

Leia também

01 dezembro 2021
Assista ao 2º episódio da série Habilidados, do SGB e saiba como trabalhar com dados e como isso pode...
Ler Mais
01 dezembro 2021
O tema foi pauta da série Habilidados, do SGB, criada para ajudar as pessoas a darem seus primeiros mergulhos...
Ler Mais
19 novembro 2021
No Brasil, o contingente de mulheres empreendedoras endossa a importância do dia comemorativo.
Ler Mais
18 novembro 2021
O Banco Central estima que mais de 45 milhões de pessoas que não realizavam transações eletrônicas agora...
Ler Mais
16 novembro 2021
Social Good Brasil ganha prêmio que reconhece contribuição para alcançar os Objetivos do Desenvolvimento...
Ler Mais

Leia também

Como escolher uma profissão?
O celular pode te ouvir?
5 dados que explicam a relevância do empreendedorismo feminino
O Pix em dados - Veja o que dizem os números após o primeiro ano de implantação do sistema

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support