O que são os painéis de B.I. sobre leitos de UTI SUS em Santa Catarina?

Com intuito de promover a transparência e o empoderamento cidadão pelos dados, disponibilizamos este produto de dados publicamente, a fim de que toda a sociedade civil organizada possa acessar esses painéis (dashboards) interativos, obter informações e fazer suas próprias análises.

Estes painéis* de Business Intelligence (ou B.I.) abertos aos cidadãos trazem informações que possibilitam dimensionar a situação atual dos das UTIs disponíveis na rede pública de saúde (SUS) no Estado de Santa Catarina.

Vemos os seguintes dados dos leitos de UTI do Sistema Único de Saúde (SUS) no Estado de Santa Catarina: 


[1.] as informações de todos os leitos hospitalares; 

  • ativos
  • ocupados
  • disponíveis
  • taxa de ocupação
  • número de pacientes COVID-19


[2.] informações gerais dos leitos;

  • classificação: UTI ou enfermaria
  • tipo de leito: Adulto, neonatal ou pediátrico
  • leito: COVID ou geral


[3.] informações sobre a localização dos leitos e a situação em:

  • macrorregião
  • município
  • hospital

*Os painéis aqui disponíveis integram o produto 5, Mapeamento da Capacidade dos Leitos e Equipamentos, desenvolvido no trabalho voluntário em que o SGB, junto a um núcleo intersetorial, utilizou dados e evidências para apoiar o combate e controle do COVID-19 no estado de Santa Catarina — conheça mais sobre esse trabalho aqui

 

*O software foi desenvolvido para Secretaria de Estado da Saúde (SES) com o apoio da Medsuite Tecnologia em Saúde LTDA, com cessão de uso gratuita e permanente para a SES.

  • Painéis de B.I.: painéis de business intelligence, ferramenta que apresenta dados e informações de forma visual e interativa
  • UTI: Unidades de Terapia Intensiva, normalmente dentro de hospitais, que abriga pacientes que precisam de assistência médica integral.
  • SUS: Sistema Único de Saúde, o sistema público de saúde no Brasil.

Os painéis aqui disponíveis integram o Mapeamento da Capacidade dos Leitos e Equipamentos, sistema de gestão de informações da Secretaria de Estado da Saúde. Ou seja, é o sistema que a gestão pública estadual utiliza para compreender a situação dos leitos e da saúde no combate e controle da pandemia de COVID-19 em SC.

O sistema da Secretaria Estadual de Saúde unifica as informações de:

  • todos os leitos hospitalares disponíveis no Estado de Santa Catarina, das redes pública, filantrópica e privada.
  • quem está ocupando o leito;
  • quais os recursos disponíveis em cada um deles em tempo real; 
  • apresenta as altas de pacientes;
  • a transferência de leitos de UTI para leitos clínicos e vice-versa;
  • sinaliza quando o desfecho é o óbito.

Atualmente, o software está sendo alimentado por quase 100% dos hospitais catarinenses e é atualizado uma vez por dia. Os dados oriundos do software integram o sistema Boavista do CIASC.

Os painéis aqui disponíveis à população contêm dados anonimizados, isto é, não é possível rastrear diretamente as pessoas que são titulares (ou donas) dessas informações. 

As informações do paciente, como nome, idade, gênero, a entrada ou saída da UTI, o seu estado de saúde: tudo isso são dados sensíveis, pois dizem respeito a indivíduos. E a LGPD, Lei Geral de Proteção de Dados, determina que só os titulares (donos) desses dados devem ter acesso a essas informações.

Um último exemplo para fixarmos esses conceitos: os painéis de dados anonimizados contêm dados gerais, que trazem panoramas da situação do COVID-19; não trazem dados sensíveis, como informações de um determinado paciente, que entrou na UTI e tem a idade tal. Compreendem a diferença?

Os dados com os quais a gestão estadual de saúde lida são ditos dados sensíveis, isto é, são dados pessoais que revelam informações sobre os titulares dos dados (as pessoas físicas). A gestão pública, por conta das suas atribuições no Estado, precisa desses dados mais detalhados para tomar decisões e formular políticas públicas efetivas.

 

Então, como a sociedade tem acesso a informações e dados?

Os painéis aqui disponíveis à população contêm dados anonimizados e, por isso, podem ser abertos à sociedade; mas os demais painéis não podem ser abertos, uma vez que contêm informações mais amplas e detalhadas, os dados sensíveis.  

A forma de levar informação à sociedade civil organizada é com dados anonimizados; para que todos possam compreender a situação, o panorama e o estado da saúde na sua região; e é por isso que se faz extremamente importante a disponibilização pública de produtos de dados abertos como estes para todos os cidadãos.

Os painéis de B.I.: Leitos de UTI SUS em Santa Catarina

Os painéis (dashboards) para monitoramento da situação atual dos casos de COVID-19, com o mapeamento dos leitos de UTI do Sistema Único de Saúde (SUS) em Santa Catarina.

Click on the button to load the content from app.powerbi.com.

Load content

O dashboard principal contém:

  • Macrorregião
  • Município
  • Hospital

Sobre os leitos:

  • Classificação: UTI ou enfermaria
  • Tipo de leito: Adulto, neonatal ou pediátrico
  • Leito: COVID ou geral
  • Informações dos leitos
    • Ativos
    • Ocupados
    • Disponíveis
    • Taxa de ocupação
    • Número de pacientes COVID-19